Radar da Segurança e Saúde do Trabalho

Para finalizar nossa série Estatísticas da SST, trazemos hoje o Radar da SST para mostrar a situação das irregularidades e autuações na Segurança e Saúde do Trabalho e ainda algumas dicas de prevenção. Se ainda não conferiu nenhuma publicação desta série, comece por aqui, ou veja todos os links aqui, vamos lá!

Radar da Segurança e Saúde do Trabalho

Nos últimos 12 meses a Inspeção do Trabalho no Brasil identificou 183.214 irregularidades relacionadas com a Segurança e Saúde do Trabalho – SST. Foram realizadas 61.215 fiscalizações, emitidas 50.948 notificações e já obtiveram 47.329 ementas regularizadas. Também se verifica que 7 atividades industriais (CNAE 4120 (6.362), 4731 (5.729), 5611 (2.315), 4711 (2.056), 4744 (1.914), 8610 (1.311) e 4930 (1.229)) respondem por mais de 76% das autuações, conforme dados disponíveis no Radar de Inspeções de Trabalho, disponibilizado pela Secretaria de Inspeção do Trabalho (SIT).

Uma análise específica para a área de Segurança e Saúde do Trabalho demonstra que as principais autuações são relacionadas com as NR-18 (8,6% (13.346)), NR-07 (7,5% (11.653)) e NR-09 (8.686 (5,6%)), conforme os dados disponíveis no portal da SIT. São irregularidades (ementas) que demonstram oportunidades de melhoria e a necessidade de uma mudança cultural na área de SST.

Requisitos de segurança que mais impactam nas indústrias
.

Todas as irregularidades relacionadas com as NR’s, em 2018, são caracterizadas, principalmente, pela falta de controle de informações e procedimentos adequados para planejar, controlar e avaliar as atividades do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), Monitoramento da Saúde do Trabalhador, Controle e Entrega de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), demonstrando uma dificuldade nas indústrias no processo de Gestão de Segurança e Saúde do Trabalho.

Os procedimentos obrigatórios para a Segurança e Saúde do Trabalho (SST) descritos nas 35 NR’s vigentes são básicos para promover a Cultura de Segurança do Trabalho na sua indústria. Fique atento porque a gestão inadequada dos requisitos gera acidentes de trabalho, acidentes fatais, doenças ocupacionais, entre outros eventos nos trabalhadores.

Consulte Todas as NR’s Atualizadas

A má gestão da Segurança e Saúde do Trabalho também provoca impactos econômicos nas indústrias e dependendo da frequência, gravidade e custo do acidente de trabalho pode levar a falência. Situação mais crítica quando são consideradas as Micro, Pequenas e Médias Empresas, responsáveis por gerar a maior parte dos postos de trabalho no Brasil. Verifica-se que a maior parte dos itens autuados não aumentam os custos industriais, portanto, é fundamental conhecer, treinar e organizar a implantação das normas básicas.

O principal desafio é mudar / eliminar o mapa dos acidentes de trabalho, publicado pelo Observatório Digital de Segurança e Saúde do Trabalho (SmartLab) e alcançar resultados econômicos e sociais nas indústrias que garantam um ambiente de trabalho organizado, limpo e seguro para o trabalhador. Também é importante entender que a fiscalização da SST nas diferentes regiões do Brasil é apenas um dos mecanismos que existem para garantir o cumprimento dos requisitos básicos de Segurança e Saúde do Trabalho. É mais efetivo quando os profissionais da área assumem um papel pró-ativo e ágil no processo de melhoria e garantia das condições de trabalho.

Veja como a nossa tecnologia ajuda a melhorar o desempenho da área de SST na indústria no Canal OnSafety. Também podemos agendar uma reunião para apresentar os benefícios do OnSafety? Será uma conversa rápida e produtiva, CLIQUE AQUI.

Se quiser conferir os outros posts dessa série, deixamos aqui os links, aproveite!

Comments:4

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.